Tag Archives: eco

Hidroelétricas no Rio Madeira: Energia para que e para quem?

15 jun

Extraído da Revista do Movimento Atingidos por Barragens.

Águas para vida não para morte!

Capa Revista MAB

Segunda Edição

 

Baixem a revista na integra:

MAB2ED2007

A construção de centenas de barragens no
Brasil está relacionada com o interesse
de grupos econômicos nacionais e estrangeiros,
as chamadas multinacionais. Diante da crise
mundial de energia esses gmpos buscam domi-
nar, a todo custo, todas as fontes energéticas, além
dos rios, água, minérios, terras e biodiversidade.
Em síntese, poderiamos dizer que a construção
de hidrelétricas no Brasil atende aos interesses e
às exigências do imperialismo.

O problema principal no campo da ener-
gia e que os “paises centrais”, ditos ricos e de-
senvolvidos, são os maiores consumidores de
energia do mundo. Os Estados Unidos, os paí-
ses da Europa (Alemanha, França, Inglaterra,
Espanha, etc) e o Japão são “ricos em dinheiro
mas pobres em petróleo”, poderíamos dizer ain-
da, pobres em energia, em rios, em água, em
minérios e em terras fórceis. Nestes paises, as
indústrias, a maioria das máquinas, o transpor-
te e, inclusive, a geração de energia elétrica,
funcionam a base de petróleo, por isso são
“petrodependentes”.

Os Estados Unidos possuem 6% da popu-
lação mundial, consomem 30% do petróleo, 35%
da eletricidade mundial e produzem apenas 10%
daquilo que consomem. Na energia elétrica, en-
quanto no Brasil o consumo médio por pessoas
é de 1.934 quilowatts-hora/ano, nos Estados
Unidos, este consumo é de 13.066 kwlúano.

Mundialmente, o petróleo tem sido a prin-
cipal fonte de “energia liquida” utilizada pelo
conjunto da humanidade. A chamada energia lí-
quida possui como caracteiistica, a facilidade
no seu transporte, permitindo abastecer regiões

deficitárias. São diversas formas possíveis de
transporte, podendo ser terrestre (em tanques de
combustível), marítima (em navios cargueiros),
ou até transporte aéreo.

No entanto, 0 petróleo e’ parte do conjunto
das fontes energéticas denominadas de “energia
fóssil”, que levou milhões de anos para se formar
e, ao ser consumido, suas reservas não se reno-
vam. Além do petróleo, o gás natural e 0 carvão
mineral são de mesma origem. As reservas mundi-
ais de petroleo estão se esgotando ou se tomando
de dificil acesso, passando ser cada vez mais caro,
em menor quantidade e de pior qualidade.

 

Anúncios